Dia Mundial da Água: pequenas atitudes que transformam

Da assessoria – Falar sobre recursos hídricos é sempre importante. A escola tem um papel fundamental na formação de cidadãos mais conscientes e comprometidos na construção de uma sociedade melhor. Na sexta-feira, 22, Dia Mundial da Água, o Colégio Nossa Senhora da Glória aproveitou a data e relembrou os cuidados e atitudes que podem impactar positivamente futuras gerações.

Uma ação desenvolvida pelo projeto Respira Glória, juntamente com a Pastoral e Comunicação do Colégio, abordou a temática defendida pela ONU (Organização das Nações Unidas) “Não deixar ninguém para trás”. Este tema é uma adaptação da promessa central da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, em que designa o Objetivo 6: assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos e todas.

A ação aconteceu durante o intervalo, onde os principais registros de água do colégio foram fechados propositalmente e sem aviso. A professora Pollyana Nuernberg Joenck, conta que os alunos começaram a procurar por água nos banheiros e bebedouros e, quando a falta foi notada, não demorou muito para o tumulto começar. Ao final do intervalo houve um momento de reflexão.

A coordenadora de Pastoral, Claudineia Nunes, destaca que “precisamos olhar mais para os nossos irmãos, devemos fazer a nossa parte diariamente. Esta ação serviu para pensarmos um pouco que muitos povos marginalizados sentem sede e procuram por água todos os dias. Nós somos pequenas sementes lançadas ao mundo e que temos o poder de fazer acontecer essa transformação”, afirma.

Claudineia também ressalta que, dentro do Colégio, as práticas que incentivam a sustentabilidade acontecem durante o ano todo. Um dos últimos projetos e que teve reflexo positivo fora dos muros da escola foi a solução para o desperdício de água gerado pelos ares-condicionados. O projeto esteve entre os 50 melhores do Prêmio Educador Nota 10, representado pela professora de Ciências da Natureza, Cláucia Cuzzi, em 2018, e hoje, a proposta também é lei municipal, em que os prédios públicos da cidade devem adotar a medida para captar e reutilizar a água dos ares-condicionados evitando o desperdício.

No ano passado, o Colégio Glória conquistou o selo de associada a Rede PEA – Unesco, mais um motivo para impulsionar a missão de educar para a sustentabilidade e a transformação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *